António Salvador confirmou a saída de Rui Fonte para o Fulham. O presidente dos arsenalistas sublinhou que tentou segurar o jogador, mas a proposta da equipa da Segunda Divisão do futebol inglês era demasiado tentadora.

"Infelizmente surgiu a proposta desse clube há cerca de um mês. Só à quarta proposta é que chegamos a acordo. Começou nos quatro milhões, passou para os seis, depois 6,5 milhões... Sempre disse que ele era intransferível, mas o Fulham também foi falando com o jogador e o Rui Fonte soube das condições que teria nesse clube. A partir daí restou-me salvaguardar os interesses do Braga", explicou Salvador no aeroporto do Porto, antes da partida da comitiva bracarense para a Islândia onde vai defrontar o FH Hafnarfjordur na primeira mão do play-off da Liga Europa.

SC Braga vende Rui Fonte ao Fulham por 9,1 milhões de euros
SC Braga vende Rui Fonte ao Fulham por 9,1 milhões de euros
Ver artigo

O presidente dos minhotos explicou ainda aos jornalistas que já tinha assumido o compromisso com Rui Fonte para uma possível venda caso o Braga recebesse uma proposta na ordem dos seis milhões de euros.

"É necessário perceber como foi que o Rui Fonte chegou ao Braga. Foi em cima do fecho de mercado do ano passado, no último dia, e porque conseguimos vender o Rafa para o Benfica. O Rui Fonte veio para o Braga perdendo regalias que tinha no Benfica. Ficou desde logo o compromisso que em caso de proposta acima dos seis milhões, que agradasse ao jogador, o Braga venderia", contou.

A imprensa fala num negócio que rende 9,1 milhões de euros para o Braga, montante esse que pode chegar aos 11,1 milhões.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.