Sérgio Conceição afirmou que não teme qualquer assunto relacionado com a arbitragem do encontro entre o FC Porto e o Vitória de Setúbal na 14ª jornada da Primeira Liga. Em conferência de imprensa de antevisão da viagem ao Estádio do Bonfim, o treinador dos ‘azuis e brancos’ reiterou que apenas falou em casos de arbitragem mais mediáticos.

“’Não temo nada em relação à arbitragem. Quero que o árbitro seja feliz, faça um bom jogo e não seja decisivo. Eu não quero ser beneficiado, quero que os árbitros sejam corretos. Falei de outros casos recente que, na minha opinião, fomos prejudicados”.

Sobre a equipa sadina, Sérgio Conceição admite estar à espera de um encontro complicado contra uma formação difícil com um técnico que estima. Em termos de pressão, Conceição diz que é a mesma de sempre.

“O Vitória de Setúbal tem um plantel com qualidade e um treinador que eu estimo muito. Acho que é de louvar José Couceiro que tem um discurso muito coerente. Estamos à espera de um jogo difícil e de um obstáculo que tem de ser ultrapassado. A pressão é igual. Antes queríamos aumentar a vantagem. Agora estamos iguais no topo e pressão continua a mesma. Gosto dela e lido bem com ela”.

O FC Porto enfrenta o Vitória de Setúbal na 14ª jornada. Os 'dragões' são lideres em igualdade pontual com o Sporting. Já os sadino estão um posto acima da linha de água do campeonato.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.