Sérgio Conceição afirmou que nunca discutiu um único contrato com o FC Porto, nem quando era apenas jogador de futebol. Na conferência de imprensa de antevisão do encontro com o Vitória de Setúbal, o técnico dos 'dragões' revelou como foi a sua chegada ao FC Porto.

"Eu nunca discuti um contrato com o FC Porto na minha vida. Nem como jogador. Quando era júnior a minha alegria era tão grande que nem vi o contrato. Este ano quando cheguei meteram-me um contrato à frente e eu assinei. A guerra foi tão grande para vir para cá por causa da questão com o Nantes que eu chegue, vi e assinei. É um sinal de confiança. No final da época se me elogiarem por vencer o campeonato fico contente".

Questionado sobre o calendário congestionado e o tamanho do plantel, Sérgio Conceição afirmou que tem um departamento médico extremamente eficaz e que todas as grandes equipas vão sentir cansaço por estarem em várias frentes.

"Temos de gerir sabendo que todas as grandes equipas vão sentir o cansaço de estar em todas as frentes. Essa gestão e esse cuidado pesa porque são muitos jogos, mas não há muitas diferenças. Não temos um plantel muito extenso e temos gerindo de forma criativa e inteligente. Temos um departamento médico de alto nível que permite os jogadores estarem nos seu melhor".

O FC Porto enfrenta o Vitória de Setúbal na 14ª jornada. Os 'dragões' são lideres em igualdade pontual com o Sporting. Já os sadino estão um posto acima da linha de água do campeonato.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.