O médio do Sporting Wendel está insatisfeito com a falta de oportunidades na equipa principal dos 'leões' e o empresário do médio veio a Lisboa esta segunda-feira reunir-se com a SAD leonina para tentar encontrar uma solução para este problema.

A intenção do agente de Wendel era saber o que a SAD liderada por Frederico Varandas esperava do jogador, que contabiliza apenas cinco jogos com a camisola do clube de Alvalade. Caso não recebesse indicações de que a situação iria mudar num curto prazo, o agente do médio começaria a procurar uma solução que podia mesmo passar pela saída no mercado de janeiro.

Já esta quarta-feira, o jornal 'Record' avança que a paciência do Sporting esgotou-se e que o jogador brasileiro foi "empurrado" para a equipa sub-23 dos 'leões'. Por trás desta decisão estão as atitudes de Wendel, que tem mostrado desinteresse pelo trabalho nos 'leões' e que se atrasou mais uma vez no regresso do Brasil para Portugal.

Quando se apresentou na Academia de Alcochete esta manhã para a sessão de treino dos 'leões', Wendel foi informado de que iria treinar com a equipa secundária do Sporting.

Contratado no início de 2018, o médio brasileiro só jogou um jogo esta época com a camisola do Sporting frente ao Marítimo para a Taça da Liga e na condição de suplente utilizado.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.