O Sporting perdeu esta segunda-feira com o Tondela por 2-1 em jogo a contar para a 16ª jornada do campeonato nacional. O Tondela inaugurou o marcador aos cinco minutos, por Juan Delgado, e ampliou a diferença, por Tomané, aos 74, já depois de a expulsão de Jaquité ter deixado os beirões reduzidos a 10. Mathieu marcou o golo dos ‘leões’, aos 76.

Na deslocação a Tondela, Marcel Keizer apostou na inclusão de Raphinha no lado direito do ataque e no regresso de Bruno Fernandes ao meio-campo leonino com Gudelj e Wendel. Sem Bas Dost, o Sporting apresentou-se no Estádio João Cardoso em 4x3x3 com Diaby como principal referência do ataque.

Na receção ao Sporting, o Tondela privado do médio Tembeng devido a lesão apresentou-se com um tridente a meio campo constituído por João Jaquité, Bruno Monteiro e Hélder Tavares. Com Tomané como a principal referência do ataque do Tondela, a equipa de Pepa procurou desde cedo os passes em profundidade para criar perigo junto à baliza de Renan. Aos 4' minutos, Juan Delgado procurou lançar Tavares na frente, mas o guarda-redes leonino mostrou-se atento e impediu o pior.

Aos 6' minutos, o Tondela abriu o marcador por intermédio de Juan Delgado na sequência de um bom cruzamento de Xavier ao segundo poste onde surgiu o avançado chileno para encostar de cabeça para o 1-0.

A perder, o Sporting reagiu de imediato com uma boa jogada de Raphinha aos 8' minutos. O extremo leonino cruzou para a entrada da área onde surgiu Bruno Fernandes com um remate perigoso, mas a bola saiu ao lado da baliza de Cláudio Ramos.

Aos 24' minutos, Cláudio Ramos intercepcionou um cruzamento perigoso de Nani impedindo que Wendel chegasse para fazer o empate. Nesta altura o Sporting já se tinha instalado no meio-campo do Tondela e criava mais oportunidades de golos.

À passagem da meia-hora de jogo, Raphinha tentou um remate acrobático após cruzamento de Acuña, mas o 'pontapé de bicicleta' não saiu ao extremo leonino e o lance perdeu-se.

Apesar do domínio do adversário, o Tondela soube gerir a vantagem e esteve mesmo perto de fazer o 2-0 aos 35' minutos com Tomané a corresponder da melhor forma a um cruzamente de Xavier. No entanto Renan foi determinante com uma enorme defesa a negar o golo.

Antes do intervalo, o Sporting esteve muito perto do empate, mas Claúdio Ramos negou o golo a Raphinha. Bruno Fernandes cruzou e Raphinha de cabeça no centro da área tentou o golo, valendo ao Tondela o seu guarda-redes a impedir o 1-1.

Na segunda parte, Marcel Keizer lançou no jogo Montero e tirou Gudelj. Com esta alteração, o Sporting a passar a jogar em 4x4x2. Aos 51' minutos, Jaquité teve uma entrada imprudente sobre Nani e acabou por ser expulso com o segundo cartão amarelo.

A jogar em superioridade numérica, o Sporting foi à procura do empate e quase o conseguia aos 53' minutos com Raphinha a obrigar Cláudio Ramos a mais uma defesa apertada. O guardião do Tondela não segurou um remate e Montero teve tudo para o empate, mas pressionado por Ricardo Costa não conseguiu fazer o 1-1.

Aos 58' minutos, o Tondela esteve perto de fazer o 2-0 por intermédio de Tomané. O avançado do Tondela atirou à barra num remate sem ângulo e de trivela. Renan ainda parece tocar e a bola embateu com estrondo no ferro.

Depois de atirar com estrondo ao ferro, Tomané acabou por fazer o 2-0 aos 74' minutos num grande golo do avançado tondelense, a atirar de trivela e a meter a bola ao ângulo. Renan bem se esticou mas não conseguiu evitar o 2-0.

O Sporting reagiu de imediato e reduziu aos 76' minutos por intermédio de Mathieu numa jogada algo confusa na área do Tondela. Montero conseguiu espaço para o remate e acabou por ser o central francês a desviar para o 2-1. Nuno Almeida conferencia com o VAR e acabou por validar o golo.

Com este resultado, o Sporting desceu de segundo para quarto, com 34 pontos, e foi ultrapassado por Sporting de Braga (36) e Benfica (35), enquanto FC Porto, com 39, recebe ainda hoje o Nacional e pode consolidar a liderança.

Já o Tondela somou a quarta vitória seguida – terceira no campeonato - e subiu ao 12.º lugar, com 18 pontos, seis acima da zona de despromoção.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.