Gaspar Ramos não está surpreso com os constantes ataques de Bruno de Carvalho ao Benfica. Para o ex-dirigente, o clube da Luz foi sempre foi o maior inimigo do Sporting.

"O Sporting sempre considerou o Benfica o seu inimigo número um e o FC Porto explorou isso, procurou a divisão entre Benfica e Sporting", afirmou Gaspar Ramos em declarações à TSF.

Embora reconheça que Bruno de Carvalho assumiu posições com as quais estava de acordo, Gaspar Ramos salientou que "seriam importantes para o futebol nacional se fossem defendidas em conjunto com o Benfica".

O antigo dirigente foi ainda crítico sobre o ataque exagerado à arbitragem por parte da direção "leonina", embora admita que os erros no encontro frente a Académica foram "crassos".

"Não se pode colocar em causa a honorabilidade das pessoas", argumentando que a "linguagem exagerada" do Sporting pode prejudicar o clube.

"Em caso de dúvida [os árbitros] julgam contra o Sporting, não deveria acontecer mas acaba por ser natural", acrescentou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.