No quinto jogo que faz esta temporada pelos “leões”, Saleiro aproveitou bem um passe de Liedson, que começou com um cruzamento perfeito de Moutinho, na esquerda, e bastou-lhe empurrar para dentro das redes de Peizer.

Com Rui Patrício na baliza, Carlos Carvalhal colocou Abel, Carriço, Tonel e Grimi como quarteto defensivo, deixando Polga no banco, Miguel Veloso à frente do quarteto defensivo, e João Moutinho, Adrien e Izmailov no apoio a Liedson e Saleiro.

Sem ideias e mostrando ser uma equipa que ainda se procura encontrar, o Sporting só por uma vez incomodou as redes adversárias. Aos 10 minutos, Liedsom, lançado por Moutinho, viu Peizer defender à queima-roupa.

Com um relvado em muito mau estado, nenhuma das equipas conseguiu criar grandes situações de perigo. Mas, mesmo assim, a Naval teve duas boas oportunidades: aos 13, remate de Hauw, de longe, defesa a dois tempos de Rui Patricio, e aos 17, Marinho, após um cruzamento perfeito de Camora ao segundo poste, atirou por cima da baliza leonina.

O Sporting vai para intervalo com a vantagem mínima.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.