O Sporting venceu o Feirense por 3-1, regressou às vitórias, após duas derrotas seguidas com o Benfica. Em Santa Maria da Feira, os comandados de Marcel Keizer ainda tremeram mas construíram uma vitória sólida, em jogo da 21.ª ronda da I Liga. Bruno Fernandes voltou a fazer a diferença com dois golos, depois de Briseño ter dado vantagem aos 'leões' perto do intervalo. Petkov marcou para os fogaceiros que continuam no fundo da tabela, no dia em que estrearam o técnico Filipe Martins. Os 'leões' aproveitam também o empate do FC Porto e ficam a nove pontos da liderança.

Veja as melhores imagens do jogo

À procura de 'sarar' as feridas das duas derrotas seguidas com os rivais da Segunda Circular, o Sporting tentava em Santa Maria recuperar pontos para o líder FC Porto e não deixar fugir o SC Braga e o Benfica, que já tinham vencido os respetivos jogos. Perante o último colocado da I Liga, Marcel Keizer fez regressar Ristovski ao lado direito da defesa, mantendo Borja e Ilori no onze, eles que assim faziam a sua estreia nesta edição da Liga. Diaby também voltou ao onze. Do lado dos 'fogaceiros', destaque para a estreia do técnico Filipe Martins, ele que deixou o Mafra para pegar no Feirense após a saída de Nuno Manta Santos.

Foi preciso esperar quase meia hora para se ver a primeira oportunidade de golo. Os 'fogaceiros' festejaram mesmo golo aos 27 minutos, num desvio ortodoxo de Marco Soares na pequena área mas o lance foi anulado. Alertado pelo vídeo-árbitro Bruno Esteves, o árbitro Manuel Mota anulou o golo, após visualizar as imagens no monitor. Não se percebe qual a razão, se considerou fora-de-jogo do médio cabo-verdiano, se vislumbrou falta sobre o guarda-redes. Um lance que vai dar muito que falar.

A resposta leonina poderia ter sido letal se Bas Dost tivesse feito mais. Após livre, o avançado holandês apareceu ao segundo poste a rematar mas André Moreira fez uma grande defesa, aos 32 minutos. Renan Ribeiro não quis ficar atrás do seu colega e brilhou ao mais alto nível aos 37 minutos, com uma defesa fantástica, em cima da linha de golo, a desvio de Sturgeon.

Mas aos 44 minutos o Sporting vai ser bafejado pela sorte, quando um centro de Borja encontrou a cabeça de Diaby. A bola parecia controlada mas desviou em Briseño e traiu André Moreira, que fazia o movimento para o lado contrário. Sem fazer muito, o Sporting ia para o intervalo a vencer.

Nos primeiros 45 minutos, destaque para o jogo duro dos 'fogaceiros', que viram dois amarelos, por Vitor Bruno (arriscou um segundo amarelo que Manuel Mota lhe 'perdoou') e Cris.

A reação 'fogaceira' no segundo tempo esbarrou na determinação leonina, mais 'solto' a gerir o jogo. E em dez minutos, Bruno Fernandes resolveu o encontro. Primeiro aos 58 minutos, a antecipar-se a Diga e a fazer o 2-0, de cabeça, após centro de Diaby. Depois, aos 68, num livre direto superiormente marcado, com André Moreira a ficar 'pregado' no relvado. Sem estar a fazer um grande jogo, o Sporting chegava aos 3-0, fruto da sua eficácia. Bruno Fernandes voltava a fazer a diferença, apontado o seu 20.º golo esta época, ele que já é o melhor marcador da equipa. Este foi o seu 9.º golo na I Liga, os mesmos que tem Bas Dost.

Por altura do 3-0, já o Feirense tinha vários jogadores amarelados. Os centrais Flávio Ramos e Briseño e o médio Tiago Silva viram amarelo, ficando assim condicionados na sua atuação.

Filipe Martins aproveitou para tentar dar algo diferente no jogo, lançando Mateus Andersonn no lugar de Valência, Petkov no posto de João Silva e Ofori na posição de Tiago Silva. Substituições que deram resultado já que, quatro minutos depois de estar em campo, o búlgaro Stivan Petkov reduziu num belo gesto acrobático dentro da área, num lance onde Coates e Ilori falharam.

Keizer também já tinha descansado Bruno Fernandes e Wendel, lançando Idrissa Doumbia e Chico Geraldes, que fez assim a sua estreia na I Liga. Mais tarde lançou Raphinha no jogo.

Esperava-se que golo pudesse espevitar o 'lantera vermelha' da I Liga mas o Sporting conseguiu controlar as operações a meio-campo, com bola, retirando assim a iniciativa atacante à formação da casa, até ao apito final do árbitro Manuel Mota.

A vitória permite ao Sporting cimentar o quarto lugar e chegar aos 42 pontos, menos nove que o líder FC Porto. Na próxima ronda recebe o SC Braga, equipa que ocupa o terceiro posto com 49 pontos, menos um que o Benfica.

Veja o resumo do jogo

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.