O Sporting venceu esta segunda-feira o Moreirense por 1-0, em jogo a contar para a 24ª jornada, e garantiu um importante triunfo antes de visitar o FC Porto na próxima sexta-feira. O Moreirense viu um golo ser anulado pelo vídeo-árbitro no arranque da segunda parte e já para além dos 90 minutos Gelson Martins fez o 1-0. O extremo leonino viu o segundo cartão amarelo no jogo e está fora do 'clássico'.

Na véspera do 'clássico' da próxima sexta-feira diante do FC Porto, o Sporting fechou as contas da 24ª jornada com a receção ao Moreirense de Petit. Jorge Jesus apresentou um onze titular com muitas poupanças para a deslocação ao Dragão, com destaque para Petrovic no meio-campo e com duas adaptações nas alas em que Battaglia surgiu a jogar no lado direito da defesa e Acuña a atuar no lado esquerdo. Montero fez dupla com Doumbia na frente de ataque com Bryan Ruiz e Gelson Martins no apoio.

O Moreirense surgiu em Alvalade com alguma iniciativa de jogo nos instantes iniciais e surpreendeu a equipa comandada por Jorge Jesus. A jogar em casa, o Sporting reagiu de imediato e foi dos pés de Bruno Fernandes que surgiu o primeiro lance de perigo com o médio leonino a rematar por cima da baliza de Jhonatan aos 14' minutos.

Com Gelson Martins a acelerar o ritmo de jogo, o Sporting começou a cercar a baliza adversária com muito perigo. Aos 17' minutos, Battaglia surge na área do Moreirense e após uma assistência de Montero remate com perigo. Aos 31' minutos, uma insistência de Gelson permitiu a Bryan Ruiz o remate à baliza, mas a bola acabou por sair fraca para uma defesa segura de Jhonatan.

Apesar do domínio do Sporting, o Moreirense não desperdiçou o pouco espaço que a equipa de Jorge Jesus ia concedendo e Tozé, aos 32' minutos, tentou surpreender Rui Patrício com um remate de longe. O guarda-redes leonino estavam bem posicionada e defendeu a dois tempos. Aos 40' minutos, Bryan Ruiz faz uma excelente assistência para Bruno Fernandes, que, em boa posição para abrir o marcador, atira por cima de Jhonatan, e da baliza.

Mesmo em cima do apito final da primeira parte, Bryan Ruiz volta a brilhar com uma assistência para golo, mas o cabeceamento de André Pinto 'à boca' da baliza saiu ao lado numa das jogadas mais perigosas criada pela equipa de Jorge Jesus.

A segunda parte começou praticamente com uma grande 'cavalgada' de Gelson Martins pelo lado esquerdo do ataque leonino. O número 77 do Sporting penetrou na área do Moreirense e tentou o remate à baliza, mas Jhonatan voltou a negar o golo ao extremo português.

Com a dupla 'supersónica' Gelson-Bruno Martins em alta, o Sporting voltou a criar perigo perto do minuto 50 após uma boa jogada de entendimento entre o extremo e o médio. Doumbia ainda desvia o remate de Bruno Fernandes, mas o mas o lance morre nas mãos de Jhonatan.

Aos 52' minutos, o Moreirense aproveitou os desequilibrios na equipa leonina para introduzir a bola no interior da baliza de Rui Patrício, mas o lance acabaria por ser anulado por falta de Aouacheria sobre Bruno Fernandes. A jogada do golo anulado começou num passe longo de Tozé a desmarcar Aouacheria, que à primeira vista aguenta a pressão de Bruno Fernandes e na cara de Rui Patrício, atira para o fundo das redes. No entanto, o árbitro Tiago Martins recorreu ao vídeo-árbitro para avaliar se houve domínio da bola com o braço e depois de visualizar as imagens, invalida o lance por falta sobre o médio leonino.

O Moreirense não foi a baixo com o lance anulado e quatro minutos depois viu Rui Patrício negar um golo a André Micael na sequência de um livre de Tozé. O central do Moreirense surgiu em boa posição e atirou de cabeça com muito perigo com o guardião leonino a socar a bola para fora em cima da linha de golo.

Depois de dois sustos na área de Rui Patrício, o Sporting voltou a reagir pelo suspeito do costume. Gelson Martins voltou a destacar-se, mas o guarda-redes do Moreirense também brilhou e afastou a bola para canto aos 58' minutos.

Já com Rafael Leão em campo, o Sporting acabou por ficar reduzido a 10 unidades com a expulsão de Petrovic aos 61' minutos por acumulação de cartões amarelos e alegada falta sobre Zizo. A jogar em inferioridade numérica, o Moreirense procurou tirar vantagem e Jorge Jesus decidiu lançar no jogo Misic.

O cronómetro caminhava rapidamente para o final, mas Sporting acabou por assegurar a vitória ao minuto 92' por intermédio de Gelson Martins. Aos 92' minutos, uma assistência de Rafael Leão permitiu a Gelson encontrar espaço para rematar à baliza, o esférico ainda desviou em André Micael e acabou por trair Jhonatan para o 1-0. No entanto, o extremo leonino emocionou-se com o golo e tirou a camisola nos festejos tendo visto o segundo cartão amarelo no jogo e que o afasta da deslocação ao Dragão na próxima sexta-feira.

Com esta vitória, o Sporting volta a igualar o Benfica no segundo lugar, ambos com 59 pontos, menos cinco do que o comandante FC Porto, enquanto o Moreirense é último com 19.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.