Frederico Varandas vai mesmo ser distinguido com o Prémio Stromp para Dirigente do Ano. O Grupo Stromp esteve reunido na noite de terça-feira por mais de três horas e, apesar de a lista de definitiva de distinções apenas ser divulgada formalmente esta quarta-feira, o presidente Tito Arantes Fontes terá já confirmado que a inclusão de Varandas, destacando a sua obra, a restruturação financeira levada a cabo e as conquistas das Taças de Portugal e da Liga por parte da equipa de futebol.

"Com João Rocha, em 13 anos, foram conquistados 12 ou 13 títulos europeus. Agora, em pouco mais de um ano, foram oito", justificou ainda Arantes Fontes em declarações ao jornal 'A Bola' à saída da reunião.

A possível distinção ao atual presidente do Sporting já vinha a ser falada há algumas semanas e estava longe de ser consensual no universo do clube "verde-e-branco", com muitos adeptos a manifestarem-se nas redes sociais contra esta decisão.

Uma contestação que já tinha levado Abrantes fontes a lembrar que "o Grupo Stromp é um grupo plural", que tem mesmo na sua composição os ex-candidatos à presidência do clube José Maria Ricciardi, Dias Ferreira e João Benedito, e que funciona "de forma autónoma e independente", recordando que no passado "outros presidentes do Sporting foram agraciados com o prémio, o último dos quais Bruno de Carvalho".

Depois da divulgação da lista final de galardoados, prevista para esta quarta-feira, os Prémios Stromp, mais alta distinção do Sporting, atribuída por serviços prestados ao clube de Alvalade, serão entregues numa cerimónia agendada para 18 de Dezembro.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.