Paulo Sérgio continua a apostar num discurso de confiança para preparar o Sporting da próxima época e voltou a frisar que o Sporting não deve olhar para fora:

“Temos de estar focalizados em nós próprios para melhorarmos enquanto equipa”, disse o técnico, realçando que para o jogo da Liga Europa, frente ao Nordsjaellend, o Sporting tem já de adoptar esta postura:

“É um adversário que nos merece todo o respeito, mas queremos seguir em frente. O Sporting tem sempre de ser favorito independentemente do adversário. Quero um Sporting a confiar em si próprio.”  

Paulo Sérgio mostrou-se satisfeito pelo regresso dos “mundialistas” e acredita que a sua integração a um ritmo competitivo adequado não será difícil.

O técnico leonino voltou a repetir que o mercado está aberto, quer para saídas quer para entradas, e não desfez o tabu em torno de quem serão capitão dos leões.

“Quero ver a braçadeira em 5 ou 6 atletas. Quero-os envolvidos no grupo e a assumir responsabilidades. Não quero um só capitão, pois todos têm de ser um pouco capitães.”

Para o jogo de amanhã, Paulo Sérgio adiantou que vai alternar entre o 4-3-3 e o 4-4-2 e pede aos sócios paciência enquanto não chegam as exibições de qualidade:

“Quero passar uma mensagem de confiança, pois se fosse fácil não estava cá eu”, concluiu.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.