O defesa Tony disse hoje que uma eventual vitória do Paços de Ferreira na receção ao Sporting, no sábado, deixa a formação pacense muito perto de confirmar a permanência na I Liga de futebol.



"Sabemos do grande valor do Sporting, mas temos de olhar para nós e entrar com tudo no jogo. 90 por cento do nosso trabalho ficará feito com uma vitória sobre o Sporting", disse Tony à agência Lusa.



O defesa direito, autor do golo que derrotou os "leões" na época passada (1-0), na Capital do Móvel, e encaminhou o Paços de Ferreira para um inédito terceiro lugar, reconheceu no Sporting atual uma equipa cheia de virtudes e um sério candidato ao título.



"As duas equipas estão hoje muito diferentes da época passada. O Sporting é uma equipa compacta, bem trabalhada, tem um excelente técnico, com provas dadas. Está numa fase boa e tem aproveitado bem essa situação, a pensar ainda no título", sublinhou.



Tony, de 33 anos, diz não ter dúvidas de que uma equipa na posição do Sporting, da qual elogia o coletivo, com "11 jogadores a atacar e a defender", está focada em olhar para o topo da classificação e melhorar o atual segundo lugar na I Liga.



"Acho que eles ainda não deitaram a toalha ao chão e ainda pensam no título, mas isso não nos diz respeito. Queremos fazer o nosso jogo e alcançar o quanto antes a permanência", afirmou.



Para o experiente defesa pacense, em final de contrato, "o título do Paços vai ser a permanência", sem deixar de reconhecer que, apesar das evidentes melhorias, "ainda há muito trabalho pela frente".



Sobre as contas do título, Tony considera que "a equipa mais regular sairá vencedora" e elegeu o Benfica como a equipa mais difícil de defrontar até ao momento, destacando a "complexidade tática" e "a movimentação constante das suas unidades mais adiantadas".



O Paços de Ferreira, 13.º classificado, com 23 pontos, recebe o Sporting, segundo, com 57, no sábado, às 20:15, em encontro da 26.ª jornada da I Liga de futebol.