O brasileiro Fabiano Soares foi afastado do cargo de treinador do Estoril-Praia após a derrota por 2-0 ante o V. Setúbal, deixando por agora o campeonato inteiramente entregue a treinadores com nacionalidade portuguesa.

O ex-técnico do Estoril protagonizou, no total, a sétima 'chicotada psicológica' da Liga, a quarta para técnicos estrangeiros. Logo no arranque da temporada o também brasileiro Paulo César Gusmão deixou o Marítimo, à passagem da quinta jornada da Liga. Duas rondas depois, o espanhol Julio Velázquez saiu do Belenenses e o boliviano Erwin Sanchez do Boavista.

No que toca aos portugueses que já saíram do comando técnico de clubes ao longo da temporada, Pepa deixou o Moreirense, sendo rendido por Augusto Inácio, Nuno Capucho foi substituído por Luís Castro no Rio Ave e Carlos Pinto deixou o Paços de Ferreira à 11ª jornada, sendo que os pacenses ainda não anunciaram de forma oficial que Vasco Seabra, atual treinador interino, vá permanecer no comando da equipa até ao fim da época.

Nesta altura, então, há um lugar vago para um treinador principal (Estoril-Praia) e dúvidas a respeito da continuidade do técnico interino do Paços de Ferreira. Caso os clubes em questão apostem em técnicos nacionais para o que resta jogar do campeonato, a Liga "pertencerá" por inteiro a treinadores com nacionalidade portuguesa, tendo também em conta que Lito Vidigal, treinador do Arouca, é originário de Angola mas é detentor de dupla nacionalidade.

A título de curiosidade, refira-se ainda que desde 2005/06 que um treinador estrangeiro não vence a Liga portuguesa. O último a consegui-lo foi o holandês Co Adriaanse, ao serviço do FC Porto. Um ano antes, o italiano Giovanni Trapattoni vencera o campeonato ao serviço do Benfica.

Treinadores dos clubes da Primeira Liga à 13ª jornada:

Arouca: Lito Vidigal
Belenenses: Quim Machado
Benfica: Rui Vitória
Boavista: Miguel Leal
Desp. Chaves: Jorge Simão
Estoril-Praia: sem treinador
FC Porto: Nuno Espírito Santo
Feirense: José Mota
Marítimo: Daniel Ramos
Moreirense: Augusto Inácio
Nacional da Madeira: Manuel Machado
Paços de Ferreira: Vasco Seabra (interino)
Rio Ave: Luís Castro
Sp. Braga: José Peseiro
Sporting: Jorge Jesus
Tondela: Petit
V. Guimarães: Pedro Martins
V. Setúbal: José Couceiro

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.