O FC Porto sofreu e muito para levar de vencida o Marítimo por 2-1, na 20.ª ronda da I Liga. Os campeões nacionais chegaram a vitória numa grande penalidade convertida por Otávio aos 93 minutos. Antes, tinha sido Marchesin a evitar a reviravolta do Marítimo, com duas defesas fantásticas em dois minutos.

Aos 83 minutos, Alipour ganhou a Pepe em velocidade, aguentou a pressão do central, mas na cara de Marchesín, acabou por permitir a defesa do guarda-redes portista.

Na sequência do canto, aos 84 minutos, defensa fantástica do argentino. No Canto de Winck, Zainadine saltou sozinho e atirou ao poste, a bola foi ter com Léo Andrade que atirou para uma grande defesa do guardião portista.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.