O avançado internacional português Edinho, que atualmente representa o Cova da Piedade, deu conta nas redes sociais da sua revolta face ao final antecipado da II Liga.

"É com extrema desilusão que falo. É uma situação lamentável e que em nada dignifica o nosso País. Somos campeões europeus e é vergonhoso aquilo que está a acontecer", critica o ponta-de-lança de 37 anos numa mensagem deixada na sua conta oficial no Instagram.

Segundo Edinho, o governo não mostrou respeito para com os futebolistas profissionais dos escalões secundários, apontando o dedo ao facto de estes não terem sequer sido ouvidos. "É uma falta de respeito para todos os profissionais, na segunda Liga também há profissionais e mesmo no Campeonato Portugal há pessoas com contratos profissionais, que dependem da sua profissão e dos seus clubes para viver. É triste e uma falta de respeito pelos profissionais da 2.ª Liga, nem sequer fomos ouvidos e devíamos ter uma palavra a dizer", sublinha.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.