O Arouca contratou em definitivo o ganês Yau Moses, por quatro anos e com uma cláusula de rescisão de cinco milhões de euros, depois de quatro épocas no clube agora promovido à II Liga de futebol como emprestado.

Aos 21 anos, Moses assina em definitivo com a formação que vai ser comandada por Joaquim Evangelista e é “um dos maiores ativos do clube”, com uma cláusula fixada nos cinco milhões de euros, segundo revelou fonte do emblema à agência Lusa.

O médio ganês chegou a Arouca em 2016/2017 como júnior, a título de empréstimo do clube ganês Charity Stars, e na última temporada realizou 15 partidas e apontou um golo, no Campeonato de Portugal.

Moses junta-se, na lista dos reforços já anunciados pelos arouquenses, ao guarda-redes Fernando Castro, ao defesa central Brunão e ao avançado brasileiro Heliardo.

A Federação Portuguesa de Futebol indicou Vizela e Arouca, os dois clubes com mais pontos do Campeonato de Portugal, para a subida à II Liga, na sequência da conclusão precoce da competição, em 08 de abril, depois da suspensão preventiva, por tempo indeterminado, em 12 de março, devido à pandemia da covid-19.

Nessa altura, após 25 jornadas, o Vizela liderava a Série A, com 60 pontos, e o Arouca era o primeiro da B, com 58.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.