O médio brasileiro Carlos David, do Desportivo de Chaves, está curado da infeção causada pelo novo coronavírus e vai regressar aos treinos na próxima semana, disse hoje o emblema da II Liga portuguesa de futebol.

“O jogador cumpriu todos os critérios de cura definidos pela Direção-Geral da Saúde (DGS) para a infeção por SARS-CoV-2 pelo que regressará aos treinos já na próxima semana, seguindo escrupulosamente o plano de contingência do clube e as orientações das autoridades de saúde”, explicou o clube flaviense, numa nota divulgada na página oficial na Internet.

O jogador de 24 anos apresentou sintomas do novo coronavírus antes do treino da manhã de 24 de julho e o teste revelou-se positivo.

Após a deteção do caso, 13 jogadores do Desportivo de Chaves estavam em isolamento desde a semana passada, tinha adiantado à Lusa fonte do clube.

A mesma fonte explicou que, no total, 13 jogadores, os 12 mais próximos de Carlos David, nomeadamente os que partilhavam o balneário com o médio, estavam em isolamento.

O técnico Carlos Pinto tinha orientado desde então os treinos da pré-temporada tendo em vista a época 2020/2021 no segundo escalão com um grupo reduzido.

Após os testes realizados à estrutura em 30 de julho, que deram todos negativo, o grupo de trabalho e restantes elementos voltaram a realizar testes na quinta-feira, também com resultado negativo.

Na sexta-feira, os 12 jogadores que estavam em isolamento, regressaram aos treinos.

O plantel do Desportivo de Chaves continua a treinar em grupos separados, disse ainda a mesma fonte.

A II Liga portuguesa de futebol de 2020/21 arranca no fim de semana de 13 de setembro e o sorteio realiza-se em 28 de agosto.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.