O treinador Daniel Ramos é o sucessor de Carlos Mozer no comando técnico da Naval 1.º de Maio, disse hoje à Agência Lusa o presidente do clube da Figueira da Foz, Aprigio Santos.

«Estivemos hoje a conversar e chegámos a acordo» sublinhou o presidente da Naval, acrescentando:

«Resta-nos acertar pequenos detalhes, mas estou convicto que dentro de poucas horas poderemos oficializar o acordo.»

Daniel Ramos sagrou-se sexta-feira campeão nacional da II Divisão, ao serviço do União da Madeira, ao vencer em casa o Atlético por 2-0, depois de já ter garantido a subida do clube insular à Liga de Honra.

O técnico tem 40 anos, é natural de Vila do Conde e estreou-se como treinador na temporada de 2001/2002, ao serviço do Vilanovense.

Seguiram-se Dragões Sandinenses, Desportivo de Chaves, Trofense (duas ocasiões), Moreirense, Gondomar, Vizela e União da Madeira.

Daniel Ramos logrou três subidas de divisão, como líder de Vilanovense (2001/2002), Trofense (2005/06) e União da Madeira (2010/2011).

O técnico esteve hoje na Figueira da Foz conhecendo a realidade do clube figueirense e reuniu com o director Desportivo, Nuno Cardoso acertando pormenores para o início da pré-temporada, agendada para 27 de Junho.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.