O Desportivo de Chaves, da II Liga de futebol, iniciou hoje, em Melgaço, no distrito de Viana do Castelo, um estágio de uma semana, que inclui dois jogos treino.

De entre os 25 jogadores do plantel, 13 deles reforços, apenas o médio costa-marfinense Siaka Bamba treinou condicionado devido a problemas físicos.

Na próxima quarta-feira, às 20:00, o clube de Trás-os-Montes defronta, num jogo de preparação, a equipa da I divisão espanhola Celta de Vigo. Além deste jogo, no sábado de manhã, dia que marca o final do estágio, o emblema `azul-grená´ enfrenta o Sporting de Braga B, partida marcada para a cidade bracarense.

Para a época 2015/16, o Desportivo de Chaves tem 13 `caras novas´: Stéphane Dasse (ex-União da Madeira), Miguel Oliveira (ex-Arouca), António Filipe (ex-Paços de Ferreira), Nélson Lenho (ex-Penafiel), Fábio Santos (ex-Beira-Mar), Mike (ex-Santa Clara), Assis (ex-Beira-Mar), Diogo Cunha (ex-Moreirense), Ludovic (ex-Santa Clara), Sandro Lima (ex-Académico de Viseu), Diogo Coelho (ex-Nacional), Braga (ex-Penafiel) e Tiago Almeida (ex-Académico de Viseu).

O novo técnico, Vítor Oliveira, considera o plantel bom, equilibrado e com jogadores de muita experiência de II Liga e utilização no ano anterior.

O clube de Trás-os-Montes foi condenado a disputar um jogo à porta fechada pelo Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), por comportamentos discriminatórios num jogo entre o Desportivo de Chaves e o Freamunde, da 20.º jornada da II Liga, em 21 de dezembro de 2014.

Além do jogo à porta fechada, nesta decisão passível de recurso ao Conselho de Justiça da FPF, a formação transmontana foi ainda condenada a pagar uma multa de 7.140 euros.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.