Os jogadores do Fafe admitiram hoje que a estreia na II Liga portuguesa pode ser "difícil", mas garantiram estar "muito motivados" e focados em conseguir uma "manutenção tranquila".

Pedro Pereira, de 32 anos, chegou ao Fafe esta época vindo do Freamunde, enquanto Alan Júnior, de 23, transita da época passada num clube onde foi o melhor marcador ao assinar 17 golos.

Os dois avançados, em declarações aos jornalistas à margem do primeiro treino da pré-época do Fafe que arrancou hoje, usaram, quando questionados sobre objetivos, a palavra "ambição".

"Será uma época difícil porque a II Liga tem muito equilíbrio, mas vamos pensar jogo a jogo com ambição e tentar ganhar para conseguir os objetivos do clube", disse Pedro Pereira, enquanto o colega brasileiro descreveu mesmo que o "ADN do Fafe é feito por quem quer ganhar sempre".

"Naturalmente que o pensamento está na manutenção e espero que esta época seja ainda melhor do que a época passada quer a nível coletivo, quer individual", referiu Alan Júnior, um dos 13 atletas que transitaram num Fafe que conta com 19 jogadores, quatro dos quais ‘reforços’ e dois juniores promovidos.

O Fafe vai ser orientado por Agostinho Bento e, devido a obras no seu estádio para cumprir os requisitos obrigatórios dos campeonatos profissionais, a equipa vai inicialmente jogar em Felgueiras e treinar em Pevidém.

O primeiro jogo de preparação está agendado para sábado na Póvoa de Varzim às 10:00.

Seguem-se encontros com o Leixões, a 13 de julho, Santa Clara, dia 15, no complexo de Lousada, Desportivo das Aves, em Arcos de Valdevez, a 16, Vitória de Guimarães B, no complexo vitoriano, a 20, e União da Madeira, em Leça da Palmeira, Matosinhos, no dia 24.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.