Os representantes do Freamunde e do Boca Juniors assinaram esta sexta-feira um protocolo de cooperação, visando a integração de jogadores daquele clube argentino na formação freamundense, informou o emblema da Segunda Liga.

"O SC Freamunde acertou um protocolo de colaboração desportiva com o CA Boca Juniors, que tem como um dos objetivos a colocação de jovens promessas argentinas na Europa", pode ler-se num comunicado de imprensa divulgado pelo Freamunde.

Na mesma nota, refere-se que "o acordo foi firmado hoje" na capital argentina Buenos Aires, após negociações realizadas nas "últimas semanas", envolvendo a administração do Freamunde e Juan Simon, diretor desportivo do Boca e antiga glória do clube argentino.

O protocolo agora assinado vai possibilitar a integração de futebolistas saídos da formação do Boca Juniors no Freamunde, o que será concretizado no decorrer dos próximos dias.

"O Boca é conhecido pelas suas excelentes camadas jovens, tendo produzido talentos como Riquelme, Burdisso, Gago, Banega, Tévez ou Gáitan. Além dos jogadores formados no clube, o Boca já foi casa para jogadores como Maradona, Caniggia, Batistuta, Ibarra, Palacio, Palermo, Samuel, Cordova ou Schelotto", acrescenta a mesma informação.

Até ao momento, o Freamunde, oitavo classificado em 2014/15, já assegurou o regresso do guarda-redes Rui Nereu, campeão nacional de seniores, há dois anos, pelo Freamunde, e da II Liga, na época passada, pelo Tondela, além do médio argentino Iván Pérez, que já representou o Independiente.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.