O Freamunde isolou-se na liderança da II Liga de futebol, ao vencer em casa o Leixões e beneficiar do empate cedido pela equipa B do Benfica, no Seixal, já no período de descontos.

Com o "tropeção" dos “encarnados”, face ao Atlético, a II Liga tem à sétima jornada um comandante isolado, o Freamunde, que recebeu e bateu a equipa de Matosinhos por 2-0.

Ao segundo lugar, que no final do campeonato também vale subida de escalão, sobe o Desportivo de Chaves, única equipa que ainda não perdeu na prova. Os pupilos de Norton de Matos superaram o Sporting B por 3-2 e somam agora 15 pontos, menos um do que o Freamunde.

No segundo jogo consecutivo contra clubes históricos da capital - no passado sábado defrontou o Oriental -, o Benfica B voltou a empatar, agora com um "amargo" especial, já que o Atlético só fez o seu segundo golo no minuto 90+3, através de Bjorn, que já tinha apontado o primeiro da sua equipa, aos 67.

O norte-americano do ataque do Atlético, de 22 anos, é já uma das figuras desta fase inicial da II Liga, já que eleva a contabilidade pessoal para sete golos, ou seja uma média de um golo por jogo. Mais que isso, "faturou" todos os golos do clube da Tapadinha, emblema que luta pela manutenção e que com este precioso ponto continua um "furo" acima da linha de água.

Um final de jogo inesperado no Seixal, já que o Benfica B chegou com alguma facilidade a 2-0, com os golos de Hélder Costa, aos 27 minutos, e Gonçalo Guedes, aos 41. Mas tudo se complicou aos 68 minutos, com a expulsão de Dawidowicz, por segundo amarelo.

Ao mesmo tempo que se jogava no Seixal, também a bola rolava em Freamunde, com a formação local a sair-se melhor de uma "batalha" que levou o árbitro Jorge Ferreira a mostrar 15 cartões amarelos e três vermelhos (um para cada lado e ainda o treinador do Freamunde).

Com uma defesa muito sólida, o Freamunde voltou a não sofrer golos - é a menos batida do campeonato - e marcou aos 16 minutos, com autogolo de Pedro Pinto, e, aos 51, por Bruno.

Em Chaves, o setor ofensivo é o grande forte do Chaves, que hoje chegou ao golo bem cedo, por Luís Pinto (05 minutos) e Issoko (07). Salim Cissé reduziu (32), Hugo Santos fez o 3-1 (61) e Francisco Geraldes o segundo do Sporting B (80).

Nos outros jogos do dia, houve vitórias tangências, por um golo sem resposta, do Beira-Mar (sobre o Farense), do Marítimo B (sobre o Trofense), do FC Porto B (sobre o Oriental) e do União da Madeira (sobre o Olhanense). Há 10 dias. o Tondela batera o Feirense, também por 1-0.

Empataram Desportivo das Aves e Oliveirense (0-0) e Académico de Viseu e Sporting de Braga B (1-1), numa jornada que só terá as contas fechadas já em outubro, com o Portimonense-Santa Clara e o Vitória de Guimarães B-Sporting da Covilhã.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.