Os “encarnados” de Ponta Delgada jogaram em vantagem numérica desde os 36 minutos de jogo, por expulsão de Capuco, e inauguraram o marcador, nos últimos momentos do primeiro tempo, por intermédio de Rincon.

Apesar da supremacia em campo, o Santa Clara apenas conseguiu dilatar o marcador na recta final e, aos 76 minutos, chegou ao 2-0 com um golo de Hernâni, após isolar-se com uma assistência de Renan.

Aos 89 minutos, Leandro Tatu, melhor marcador do Santa Clara, estabeleceu o resultado do jogo, atirando à baliza depois de uma boa jogada individual.

O resultado final do encontro, em que o Desportivo de Chaves deu luta, apesar de estar em último classificado e se encontrar sem treinador, apenas foi fixado nos minutos finais.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.