O Sporting de Braga B venceu hoje a Oliveirense por 3-2, na 26.ª jornada da II Liga portuguesa de futebol, graças ao golo de Sílvio já perto do fim que garantiu a primeira vitória aos bracarenses depois de três meses sem vencer.

Num duelo entre duas equipas do fundo da tabela, assistiu-se a uma primeira parte de ‘loucos, com a Oliveirense a inaugurar o marcador por Riascos, aos seis minutos, depois André Ribeiro empatou à passagem dos 17 minutos, e Ryller consumou a reviravolta no marcador (28).

Ainda antes do apito para intervalo, Riascos ‘bisou’ e voltou a igualar a partida (42), e já perto do apito final, o internacional português Sílvio, deu a vitória aos minhotos (88), que já não venciam desde novembro.

Foi uma estreia em cheio para o antigo jogador da equipa principal do Sporting de Braga e que foi campeão pelo Benfica, que deu a vitória à equipa secundária bracarense, no seu primeiro jogo e depois ter sido anunciado reforço no início do mês.

A melhor entrada no jogo da Oliveirense, com o golo de Riascos, acabou por não ter consequência, já que tenacidade do Braga B fez a equipa crescer na partida e marcar dois golos em pouco menos de dez minutos, por André Ribeiro e Ricardo Ryller.

Os minhotos tinham ameaçado por duas vezes antes de chegarem à vantagem, primeiro num remate cruzado de Simão (24) e no minuto seguinte por Luther Singh, mas foi preciso um momento de magia protagonizado por Ryller para carimbar a cambalhota no resultado.

Aos 27 minutos o reforço brasileiro fez uma incursão até à grande área sem oposição e, já lá dentro, simulou o remate traindo dois defesas que se fizeram ao lance, e depois finalizou com classe, batendo Coelho.

O ritmo foi esmorecendo, mas bastou um erro de Didi na saída de bola para Riascos aproveitar e atravessar todo o meio campo ofensivo, fintando um defesa pelo caminho, e no frente a frente com Filipe Ferreira, manteve a calma e restabeleceu a igualdade, ainda antes do intervalo (42).

No segundo tempo a equipa da casa ‘carregou no acelerador’ à procura da vitória, com João Amorim a rematar por cima, aos 55 minutos, depois de uma boa jogada coletiva.

A melhor oportunidade surgiu aos 73 minutos, numa recuperação de bola a meio campo de Diogo Valente, que depois passou para Riascos fintar o guarda-redes e rematar, mas em cima da linha Dinis impediu o golo.

Em cima do apito final, Luther Sing pegou na bola no flanco esquerdo, ‘perfurou’ a defesa oliveirense, deixando três defesas pelo caminho e levantou para o segundo poste, onde apareceu Sílvio a ‘fuzilar’ a baliza de Coelho e dar ao Sporting de Braga B, que não vencia desde 05 de novembro, alcançando a primeira vitória em três meses.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.