O treinador do Santa Clara recomendou hoje aos seus jogadores «paciência e ambição» na recepção de domingo à Oliveirense, considerando que o próximo adversário está na liderança da Liga de Honra em futebol por «mérito próprio».

A Oliveirense é «forte na transição ofensiva e nas bolas paradas», reconheceu Bruno Moura, sublinhando esperar um adversário «empenhado em vencer», perspectivando-se «um jogo aberto».

Numa conferência de imprensa no Estádio de São Miguel, o técnico dos "encarnados" de Ponta Delgada considerou ainda que o encontro de domingo, da 24.ª jornada de Liga de Honra, vai opor «duas equipas fortes nos processos defensivos», sublinhando o facto de o Santa Clara ser a equipa «menos batida e pretender continuar a sê-lo».

«É importante partir na frente do marcador», disse Bruno Moura, sustentando que na actual fase do campeonato as equipas «estão ainda muito juntas».

Com 31 pontos, menos oito do que a Oliveirense, o Santa Clara ocupa a nona posição da tabela classificativa da Liga de Honra.

Para o encontro de domingo, com início às 16:00 locais (17:00 de Lisboa) e sob arbitragem de Pedro Proença, de Lisboa, a equipa açoriana não conta com o avançado Alex, castigado.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.