Dirigentes desportivos da província da Huíla manifestaram esta quinta-feira, no Lubango, a crença na seleção angolana, que joga neste sábado, contra a RDC, partida qualificativa ao CAN do Gabão, em 2017.

Falando à Angop, nesta cidade, em antevisão ao jogo, Jacques da Conceição sugeriu que Angola deve observar, "acima de tudo", a humildade e capacidade técnica e aproveitar-se de uma eventual ansiedade dos congoleses.

O dirigente disse que a acutilância e espírito patriótico devem servir de armas para contrapor o favoritismo do adversário e pontuar.

Já o secretário-geral do Sporting do Lubango, Pedro António, sublinhou que os Palancas Negras, por serem os líderes do Grupo B, com quatro pontos, estão em condições de obter um bom resultado não obstante o valor reconhecido do adversário.

Por sua vez, o presidente da Associação Provincial de Futebol (FAF), João Gonçalves, diz-se confiante, embora admita o favoritismo do adversário, que joga em casa.

O responsável enalteceu a convocação de Love, que caso esteja entre de início, vai marcar e dará outra velocidade ao ataque da equipa nacional, tendo prognosticado 2-0 para Angola.

Angola lidera o grupo com quatro pontos, seguida da RDC e RCA, com três cada, e Madagáscar com um.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.