A seleção angolana leva vantagem sobre a congénere da Suazilândia nos confrontos entre as duas seleções, com cinco vitórias e três empates desde o primeiro jogo em 2 de setembro de 1990 (1-1), para a segunda jornada do grupo V qualificativo ao CAN92, decorrido no Senegal.

O tento de Angola foi apontado por Chico, numa seleção orientada por Nando Jordão e que integrava atletas como Mateus Lúcio, André Nzuzi, André, Felito, Quim Sebas, Santana, Wilson, Ndunguidi, Carlos Pedro, Mona e Nelson.

Angola e Suazilândia voltaram a empatar a uma bola no dia 16 de setembro de 1991, no estádio da Cidadela, em Luanda, para a quinta jornada da mesma eliminatória, mas já sob comando técnico de Carlos Queirós.

Com golo de Felito, alinharam Ntomas, Bolefo, Chico Dinis, Ivo, Valente, Mateus Fuidimau (Nelo Bumba), Arlindo, Paulão, Chico (Ndisso) e Vieira Dias.

O terceiro jogo entre os dois países da região austral de África teve lugar em 8 de março de 1998, no estádio Somhlolo, em Mbambane: triunfo de Angola por 1-0, para a Taça da Confederação.

Jogaram sob liderança de Carlos Alves: Marito, Bodunha, Delgado, Hélder Vicente, Neto, Amaral Aleixo (Cacharamba), Assis, Paulito, (Minhas), Jonas, Kiss (Chicangala) e Miguel Pereira.

No dia 9 de abril de 2000, para a primeira mão das eliminatórias de acesso ao campeonato do mundo de 2002, no Japão e Coreia do Sul, os Palancas Negras, orientados tecnicamente pelo luso-caboverdiano Carlos Alhimho, voltaram a vencer (1-0), em Mbabane, com golo de Kata.

No quinto encontro disputado no dia 23 de abril de 2000, para a segunda mão das eliminatórias de qualificação ao mesmo Mundial, Angola goleou, por 7-1, na Cidadela, em Luanda. Paulão e Isaac, ambos duas vezes, Joni, Hélder Vicente e Covilhã confirmaram o desfecho histórico.

O sexto jogo aconteceu no dia 23 de junho em Mbabane, para a primeira "mão" das eliminatórias de acesso à fase final da Taça CHAN, competição reservada a jogadores que atuam nos campeonatos internos, disputado na África do Sul, em 2014. Angola venceu por 1-0, com golo de Job.

O sétimo jogo entre ambos realizou-se a 29 de junho de 2013, no estádio 11 de Novembro, em Luanda, para a segunda mão, com Manuel a apontar o tento dos Palancas Negras. O uruguaio Gustavo Ferrim comandou a seleção angolana nestas duas eliminatórias.

As duas seleções voltam a encontrar-se já para a quarta edição desta competição programada para Ruanda, em 2016. Na oitava partida entre os dois países da Comunidade para o Desenvolvimento da África Austral (SADC), pontuável para a primeira mão disputada a 21 de junho no estádio Somhlolo, em Mbabane, empataram (2-2), com Dário e Ary Papel a marcarem para os Palancas Negras, sob orientação técnica do angolano Romeu Filemon.

Este sábado jogam pela nona vez no estádio 11 de Novembro, em Luanda, no confronto de resposta da penúltima eliminatória.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.