Os Palancas Negras não foram além de um empate a zero bolas com a seleção da Libéria em jogo do grupo J, de apuramento ao Mundial 2014, disputado em Monróvia.

Numa partida equilibrada, as duas seleções repartiram as oportunidades de golo. Com mais este empate a seleção nacional de Angola soma dois pontos em igual número de jogos e ocupa o terceiro lugar do grupo, que é liderado pelo Senegal com quatro pontos. A selecção ugandesa é o segundo classificado com os mesmos pontos que os angolanos, enquanto que a Libéria ocupa a última posição com um ponto.

A saída para o intervalo, o placar registava o empate entre as duas formações, que repartiram as oportunidades de golo. No reatar da segunda parte, as duas seleções entraram com o mesmo ritmo da primeira parte.

Com as oportunidades de golo a escassearem-se, Romeu Filemon, selecionador nacional de Angtola, fez entrar o médio ofensivo Manuel aos 75 minutos para o lugar de Mingo Bile e Mano aos 82 para o lugar de Djalma, sem que as alterações ao onze inicial resultassem numa maior eficácia da seleção.

Aos 83 minutos a Libéria podia ter marcado não fosse a boa intervenção do guardião nacional Landu, numa altura em que os liberianos atacavam mais que os "Palancas Negras". Landu defendeu um remate do avançado adversário a entrada da área e em consequência ficou caído no relvado a contorcer-se com dores.

Até ao apito final do árbitro Ali Lemghaifry, o resultado não sofreu alterações, com as duas selecções a repartirem os pontos.

No outro jogo do grupo o Uganda empatou com o Senegal a uma bola depois de ter estado a perder. O golo senegalês foi marcado por  Papiss Cissé a passagem dos 37 minutos, com o Uganda restabelecer a igualdade aos 85 minutos por Godfrey Walusimbi, através da marcação de uma grande penalidade.

O próximo jogo dos "Palancas Negras" é no dia 22 de março de 2013 frente ao líder do grupo J, o Senegal, enquanto que, no mesmo dia, a Libéria recebe o Uganda, em mais um jogo das eliminatórias para o Mundial 2014.

No jogo que marcou a despedida de Romeu Filemon do comando técnico da seleção, Angola alinhou de início com Landu, Miguel, Bastos, Dany Massunguna, Lunguinha, Adwa, Kivuvu, Manucho Dinis (Amaro 90+4), Djalma Campos (Mano 82’), Mingo Bille (Manuel 75’) e Manucho Gonçalves.

Por seu lado o seleccionador da Libéria fez jogar de início Nahtaniel Sherman, Alseny Keita, Dioh Williams, Francis Doe, George Gebro, James Zotiah (Sekou Oliseh 43 min), Jimmy Dixon, Omega Roberts, Teah Dennis, Theo Lewis (Martin Karndu 70’), Zah Krangar (Anthony Laffor 60’).

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.

Ajude-nos a melhorar o SAPO Desporto