A seleção angolana de futebol entrou hoje, em Luanda, na terceira sessão de treinos para o jogo de sábado frente à Swazilândia, referente à segunda “mão” de acesso à Taça CHAN2014, na África do Sul.

Neste penúltimo trabalho, no anexo do estádio 11 de Novembro, o treinador uruguaio Gustavo Ferrin centraliza a atenção nos aspetos táticos e estratégias, para confirmar a qualificação depois da vitória em Mbabane (1-0).

Contando já com a integração do lateral esquerdo do 1º de Agosto, Amaro, dispensado do grupo para tratar de questões particulares, os Palancas Negras terão maiores possibilidades de alcançar resultado positivo e continuarem na luta para a segunda presença na fase final da prova.

Landu e Hugo (guarda-redes), Amaro, Dany Massunguna, Bastos, Gomito, Mussumari, Fabrício, Kibeixa, Abdul e Mateus (defesas), Pirolito, Ito, Ary Papel, Adawa, Manuel, Mabiná, Mano, Mingo Bille, Job, Libengue e Meda (médios) e Mabululu (avançado) são os jogadores ao serviço dos Palancas Negras.

Quanto ao adversário, tem chegada prevista para sexta-feira, reconhecendo no mesmo dia o relvado do estádio 11 de Novembro, palco do encontro, com uma capacidade de 50 mil lugares.  

A taça CHAN é uma competição reservada apenas aos atletas que jogam nos campeonatos dos respetivos países. Angola é a vice-campeã da II edição da prova, decorrida em 2011 no Sudão, após perder a final diante da Tunísia.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.