A seleção de São Tomé e Príncipe já iniciou a preparação para o jogo inaugural do Grupo F, a ser disputado no Estádio Nacional com a congénere cabo-verdiana, para as eliminatórias do Campeonato Africano das Nações, CAN’2017.

O novo selecionador, Cimbôa, trabalha com 23 pré-selecionados e promete fazer história, tendo já traçado como objetivo imediato construir uma equipa para iniciar a prova de apuramento para CAN’17 no Gabão de forma surpreendente, num grupo onde alinham ainda as equipas nacionais de Marrocos e Líbia.

O técnico santomense disse à RFI que o seu objetivo é apurar a seleção de futebol de S. Tomé e Príncipe para o CAN 2017, no Gabão.

Cimbôa foi recrutado em abril pelo presidente da Federação de Futebol de São Tomé, Nino Monteiro, em resultado da campanha realizada na equipa da UDRA dos Angolares, com o qual fez a dobradinha ao conquistar o campeonato e a Taça de São Tomé e Príncipe.

Cimbôa sucedeu ao técnico Gustave Clemente à frente da seleção, que começará a competir no próximo mês de junho com a congénere de Cabo Verde, em desafio a pontuar para o apuramento rumo ao CAN’2017, e que tem um vínculo contratual com a federação com a duração de um ano.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.