O guarda-redes da Noruega mostrou algum receio dos livres de Cristiano Ronaldo e o jogador português refere que ele tem razões para isso.

«A mira parece estar boa. Vamos ver como vai ser no sábado. Não estou obcecado. Sei que a equipa irá fazer um grande jogo e vai ganhar», assumiu o atleta.

O jogador do Real Madrid revelou que o grupo está «confiante e motivado» e assumiu um objectivo da equipa:

«Há que ganhar o jogo para irmos de férias descansados.»

Cristiano Ronaldo recusou ainda comparações entre Carlos Queiroz e Paulo Bento, estando apenas focado no presente: «Passado é passado e presente é presente. O presente é bom, os jogadores estão contentes. Há que dar continuidade a esse grande grande trabalho que os jogadores e o treinador estão a fazer».

Cristiano disse esperar uma Noruega a jogar atrás da linha da bola, mas voltou a sublinhar a sua confinaça na equipa lusa:

«Vamos fazer um grande jogo e ganhar», disse, assumindo ainda que o apoio do público pode dar uma ajuda.

«O apoio dá-nos outra motivação para jogar bem e melhor. Mas o apoio do público sempre foi incondicional.»

O jogo Portugal–Noruega está marcado para este sábado, no Estádio da Luz, a partir das 21 horas. Em caso de vitória, a selecção lusa assume o primeiro lugar do grupo H de qualificação para o Euro 2012.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.