“Estamos prontos e preparados para ganhar este jogo.”

Foi com confiança que Carlos Queiroz abordou o jogo decisivo de amanhã, confirmando também que, à excepção de Tiago, todos os jogadores, Ronaldo inclusive, estão aptos a ajudar Portugal nesta verdadeira “final” rumo ao Mundial da África do Sul.

Além disso, Queiroz garantiu que os jogadores estão “motivados e entusiasmados”, aproveitando também a oportunidade para lançar um repto aos adeptos:

“Queremos vencer este desafio com os adeptos e queremos que estejam presentes amanhã”, acrescentando que o jogo de amanhã e de quarta-feira são “duas finais que Portugal quer jogar, não querendo deixar fugir a oportunidade de jogar um bom futebol aliado a um bom resultado”.

Quanto à pressão a que a equipa vai estar sujeita, o seleccionador preferiu desdramatizar.

“Estamos preparados para lidar com a pressão. Essa é a nossa vida e quanto maioresforem as exigências melhor estaremos.”

Amanhã, quando entrar em campo, Portugal já saberá o resultado do jogo que opõe a Dinamarca à Suécia e o treinador português afirmou que esse facto não muda nada.

“Só temos de lutar mais e melhor até ao último minuto de um jogo que só vai acabar com Malta.”

A terminar, não quis alongar-se nas suspeitas e estórias que dão conta da eventual combinação de resultados entre Suécia e Dinamarca.

“Vai ser um jogo muito apertado e a Dinamarca sabe que não pode perder. Por isso, há que lutar até ao último momento neste espectáculo fantástico que é o futebol.”

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.