Anthony Lopes, guarda-redes do Lyon, e Ricardo Carvalho, defesa do Mónaco, falharam hoje a concentração da seleção portuguesa de futebol, em Cascais, devido à greve dos controladores aéreos em França.

O central do Mónaco deve juntar-se à comitiva lusa ainda esta noite, já que o seu voo foi apenas adiado, enquanto Lopes só viaja para Portugal na terça-feira, devendo chegar ainda a tempo de integrar o primeiro treino sob as ordens do selecionador Fernando Santos.

Os restantes 22 jogadores convocados, incluindo o estreante Renato Sanches e o ‘capitão’ Cristiano Ronaldo, já se encontram na unidade hoteleira de Cascais em que Portugal vai ficar instalado até final da semana.

Portugal recebe a Bulgária, em Leiria, na sexta-feira, e quatro dias depois, a 29 de março, desloca-se a Bruxelas para defrontar a Bélgica, em dois jogos que servem de preparação para a fase final do Euro2016.

Na terça-feira, às 10h30, a seleção nacional começa a preparar os dois particulares com um treino no Estádio do Restelo, em Lisboa, cujos primeiros 15 minutos serão abertos à comunicação social. Antes, às 9h30, um ou dois jogadores estarão presentes em conferência de imprensa.

No Campeonato Europeu, que vai decorrer de 10 de junho a 10 de julho, em França, Portugal vai disputar o Grupo F com a Áustria, Islândia e Hungria.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.