Daniel Freitas, 10.º classificado, foi o melhor ciclista da selecção portuguesa presente na primeira etapa da corrida Toscana, quarta de seis provas que compõem a Taça das Nações sub-23, ganha ao sprint pelo belga Sean De Bie.

De Bie impôs-se ao argelino Youcef Reguigui e ao cazaque Alexey Lutsenko, segundo e terceiro classificados, respectivamente, em 3:26.46 horas (média: 43,063 km/h), após 148 quilómetros, com a partida e a meta instaladas em Grosseto.

«Acabámos por ter algum azar, uma vez que as quedas nos quilómetros finais desorganizaram o pelotão. O Diogo Nunes caiu e o Guilherme Lourenço também ficou preso numa das quedas. Já não conseguimos colocar o Daniel Freitas tão bem quanto esperávamos», lamentou o seleccionador nacional, José Poeira.

Amaro Antunes, Fábio Silvestre e José Gonçalves, respectivamente nos 16.º, 27.º e 32.º lugares, foram os outros ciclistas lusos a conseguir concluir a tirada no primeiro grupo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.