Nuno Gomes, antigo internacional português, comentou a votação promovida pelo jornal Record, que procura encontrar a melhor geração da seleção nacional de sempre.

"No primeiro, a referência era a Geração de Ouro reforçada com alguns elementos mais jovens; no segundo a equipa já revelava algumas alterações, principalmente pelo título europeu do FC Porto e pela inclusão do Cristiano Ronaldo. Os resultados falam por si, é quase impossível escolher a melhor entre essas formações: ambas tinham muita qualidade. Senti-me bem em qualquer delas, futebolística e pessoalmente falando, sendo que a história foi mais ou menos a mesma, isto é, marcada pela infelicidade nos momentos decisivos. Apesar de tudo, a de 2004 dispôs de melhores condições, porque ainda tinha Figo e Rui Costa, beneficiava de um Deco em superforma e já contava com o talento do Cristiano", disse Nuno Gomes.

"Estranho que a Seleção campeã da Europa não esteja na frente", acrescenta, surpreendido.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.