Oceano Cruz alertou hoje para os riscos que a selecção portuguesa de futebol de sub-21 corre no embate de amanhã com a Grécia. O seleccionador acredita, todavia, que só uma equipa fiel a si mesma pode triunfar frente a um adversário que considera "um dos potenciais favoritos" a estar no Campeonato da Europa de 2011. "Vamos manter os nossos princípios de jogo. Não vamos abdicar da nossa filosofia. Vamos tentar ter a posse de bola e encarar o adversário como todos os outros. Esse factor vai ser importante, pois quem tem a posse de bola, tem mais capacidade de decidir e ganhar o jogo", disse.

Sublinhando que a Grécia "tem uma equipa com jogadores de estatura elevada e fortes nos lances de bola parada", Oceano frisa que os jovens portugueses estarão preparados para "não sofrer golos nesse tipo de lances".

O técnico português deixou ainda elogios ao adversário: "Iniciou bem a fase de grupos, com duas vitórias [com a Macedónia e a Lituânia], e no último jogo diante da Inglaterra mereciam também ter ganho."

O embate entre Portugal e Grécia, a contar para o grupo 9 de apuramento para o Europeu de sub-21 de 2011, está marcado para o Estádio Asteras Tripolis, às 17h00 (19 horas locais).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.