Portugal e Inglaterra estão empatados a zero bolas ao intervalo, em jogo da segunda jornada do Grupo B do Euro sub-21.

Num jogo muito dividido a meio-campo, pertenceu a Portugal a primeira grande oportunidade, aos sete minutos. Após centro de Esgaio, o guarda-redes Buttland foi obrigado a defender por instinto um corte mal feito por um defensor inglês.

Portugal, que joga sem ponta-de-lança fixo, tem Ivan Cavaleiro, Ricardo Pereira e Bernardo os homens mais avançados no terreno. O médio do Mónaco tentou o golo aos 13 minutos numa jogada individual mas o seu remate saiu fraco e à figura do guarda-redes. No minuto seguinte foi João Mário a rematar por cima, num remate em zona frontal.

Os ingleses também criaram perigo, principalmente por Harry Kane, avançado do Tottenham que marcou 40 golos esta época. Aos 33 tentou o golo mas José Sá mostrou segurança e defendeu para canto. Aos 34, nova oportunidade mas o tiro do avançado sai ao lado.

Portugal vai sentido algumas dificuldades em entrar na área contrária, pelo que tem tentado o remate de longe, tanto por João Mário como por Sérgio Oliveira, mas até agora sem sucesso.

Lingard teve a última oportunidade antes do intervalo mas o seu remate saiu ao lado da baliza de José Sá.

Recorde-se que no outro jogo deste grupo a Suécia surpreendeu e bateu a Itália por 2-1, depois de estar a perder por 1-0.

Acompanhe o jogo no SAPO Desporto

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.