A selecção portuguesa de futebol ficou mais nova, um ano e meio, na comparação entre a convocatória para o Mundial de 2010 e os eleitos para os dois primeiros jogos de qualificação para o Europeu de 2012.

A 10 de Maio, Carlos Queiroz divulgou a convocatória para o Campeonato do Mundo e, retirando Nani (saiu lesionado e foi substituído por Ruben Amorim) e Zé Castro (na lista dos 24, mas preterido no final do estágio), os 23 jogadores presentes na África do Sul tinham uma média de 27,6 anos.

Agora, praticamente quatro meses depois, na lista assinada por Agostinho Oliveira, face à suspensão por um mês de Carlos Queiroz, a média dos 20 jogadores assinala 26,2 anos.

Para esta redução, contribui a entrada dos estreantes Nuno André Coelho e Sílvio, com 24 e 22 anos, respectivamente, mas também e muito a saída de Deco (32 anos, a 10 de Maio), Simão (30), Paulo Ferreira (31), Pedro Mendes (31), Duda (29) ou Ricardo Costa (28).

Estes seis jogadores não foram convocados (Deco, Simão e Paulo Ferreira renunciaram, Pedro Mendes e Duda estão lesionados e Ricardo Costa castigado) para os dois primeiros jogos de qualificação.

João Moutinho, com 23 anos (completa 24, a 8 de Setembro), Manuel Fernandes (24), Varela (25) e Nani (23), que ficaram fora do Mundial 2010, também ajudam nesta renovação agora celebrada por Agostinho Oliveira.

Na lista agora divulgada, Liedson, com 32 anos, surge como o atleta mais velho, enquanto Sílvio, jogador que no defeso trocou o Rio Ave pelo Sporting de Braga, é o mais novo, sendo que Fábio Coentrão também tem 22 anos.

Além dos 20 jogadores que Agostinho Oliveira seleccionou (já contando com a saída de Cristiano Ronaldo e entrada de Ricardo Quaresma) para os dois primeiros jogos de qualificação, Rui Patrício (22) e Paulo Machado (24) ficaram em “stand by”, mas também apresentam idades que apontam para uma renovação da selecção portuguesa.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.