"Adriano esteve perto do suicídio". Quem o diz é a mãe do jogador brasileiro, que em 2009 mergulhou numa depressão causada pela morte do pai.

"Foi há um ano atrás, num período de crise profunda que o fez anunciar a sua retirada. Não superou a depressão causada pela morte do pai e esteve perto do suicídio", disse Dona Rosilda ao jornal italiano Gazzetta dello Sport.

O avançado de 28 anos, conhecido como o 'Imperador', teve sobretudo problemas de alcoolismo em 2009 e viu o seu nome ser associado a figuras do narcotráfico brasileiro.  

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.