Youri Djorkaeff, campeão do mundo pela França em 1998, recordou numa entrevista ao L'Équipe os treinos Inter de Milão com Ronaldo Nazário.

"Ronaldo foi o melhor com quem joguei. Tudo o que ele fazia era uma loucura. Além disso, ele reproduzia nas partidas o que fazia nos treinos. Para ele, não havia barreira entre os dois. Frequentemente, parávamos para vê-lo passar por dois ou três jogadores na pequena área. E com tanta facilidade. Até o técnico se ria", admite o antigo avançado.

Além de Ronaldo, Djorkaeff recorda ainda uma história que envolveu aquele que considera ser o melhor treinador com quem trabalhou. "Gigi (Luigi) Simoni que passou um ano connosco n Inter foi o meu melhor treinador. Era como um pai. No primeiro dia dele no clube, agradeceu-nos por poder ser nosso treinador. No entanto, com Ronaldo, pedíamos-lhe frequentemente para encurtar os treinos ou para correr menos tempo para depois fazermos amigáveis. E, no Natal, ele deu-nos um quebra-nozes (ndr para Djorkaeff e Ronaldo)".

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.