Uma réplica da última camisola usada pelo italiano Francesco Totti como jogador da Roma, usada a 28 de maio, foi lançada na noite de terça-feira com sucesso para o espaço, anunciou hoje o clube italiano de futebol.

O ‘eterno’ capitão despediu-se no final da época, frente ao Génova, após 28 anos ao serviço da Roma, e o clube sugeriu imortalizar a sua mítica camisola 10 enviando uma réplica para o espaço, missão que concluiu com sucesso na noite de terça-feira.

A ideia foi concretizada pela Avio, uma empresa líder mundial no campo das viagens espaciais, e depois de os planos de voo terem sido elaborados em Itália a camisola ‘10’ de Totti foi lançada pelo foguete ‘Vega’, na Guiana Francesa.

Francesco Totti, de 40 anos, jogador carismático e líder, dentro e fora dos relvados, só envergou as camisolas da Roma, clube que representou como profissional desde 1992/93, e da seleção italiana ao longo da sua longa carreira.

Pela Roma, de 1992/93 a 2016/17, Francesco Totti disputou 786 jogos, tendo marcado 307 golos. Pela seleção italiana, de 1998 a 2006, o médio participou em 58 jogo e marcou nove golos.

Pela seleção italiana, o médio fez a sua estreia no ‘onze’ durante a Euro2000. Dois anos depois, no Mundial2002, a sua carreira foi manchada pela expulsão frente à Coreia do Sul, nos oitavos de final, e consequente eliminação.

No Mundial2006, que assinalou o quarto título da seleção transalpina, Francesco Totti foi o autor de um golo de grande penalidade frente à Austrália, nos oitavos de final.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.