O incidente aconteceu a 14 de Agosto de 1994 na liga da cidade de Mar del Plata (segunda divisão local), quando Camoranesi, nascido na Argentina e então ao serviço do Aldosivi, atingiu com violência Pizzo, num jogo frente ao Alvarado.

Pizzo sofreu diversas roturas, designadamente nos ligamentos cruzado anterior, posterior e lateral externo e nos meniscos interno e externo, tendo de se submeter a uma intervenção cirúrgica, seguida de um longo período de reabilitação que o impediu de voltar a jogar futebol.

“Embora não se possa dizer que a acção de Camoranesi foi intencional, denota uma atitude vergonhosa, uma prática desportiva anormal e evitável, manifestamente desleal, excessiva e grosseira”, lê-se na sentença.

A decisão do tribunal argentino foi conhecida quando Camoranesi, que se sagrou campeão do Mundo na Alemanha2006 pela selecção italiana, se prepara para se transferir dos italianos da Juventus para os ingleses do Birmingham.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.