Nápoles e Juventus voltaram hoje a atrasar-se na luta pelo título, ao empatarem 1-1, no jogo ‘grande’ da 20.ª jornada da Liga italiana de futebol, em Turim, que deixou o AC Milan mais confortável na vice-liderança da prova.

Os napolitanos, sem o lateral luso Mário Rui, castigado, colocaram-se em vantagem aos 23 minutos, com um golo do belga Dries Mertens, mas os ‘bianconeri’ repuseram a igualdade no segundo tempo, por intermédio de Federico Chiesa, aos 54.

Com apenas uma vitória nas últimas seis rondas, o Nápoles está na terceira posição, com 40 pontos, enquanto a Juventus é quinta classificada, com 35, já a consideráveis 11 de distância do líder Inter Milão (46), que tem menos um jogo, uma vez que viu a partida com o Bolonha ser adiada, devido a um surto de coronavírus que afeta o plantel dos bolonheses.

Esta igualdade acabou por beneficiar o AC Milan, que, assim, reforçou o segundo posto, com 45 pontos, depois de ter batido por 3-1 a Roma, treinada por José Mourinho, com golos do francês Olivier Giroud, aos oito minutos, de grande penalidade, do brasileiro Júnior Messias, aos 17, e do avançado internacional português Rafael Leão, aos 82.

Pelo meio, o inglês Tammy Abraham, aos 40 minutos, ainda reduziu a desvantagem dos romanos, que contaram com o guarda-redes luso Rui Patrício no ‘onze’, mas terminaram a partida com nove elementos, face às expulsões de Rick Karsdorp e Gianluca Mancini.

O conjunto ‘giallorosso’ segue em sétimo lugar, com 32 pontos, os mesmos da rival Lazio, oitava colocada, que hoje esteve perto de perder na receção ao Empoli, mas conseguiu ‘salvar’ um empate 3-3, graças a um golo do sérvio Sergej Milinkovic-Savic aos 90+3 minutos.

Até então, Nedim Bajrami, aos seis minutos, de penálti, Szymon Zurkowski, aos oito, e Federico di Francesco, aos 75, tinham assinado os tentos do Empoli, enquanto Ciro Immobile, aos 14, e o mesmo Milinkovic-Savic, aos 66, marcaram para os ‘laziali’, que em fevereiro vão defrontar o FC Porto, nos ‘play-offs’ de acesso aos oitavos de final da Liga Europa.

O ‘aflito’ Cagliari, antepenúltimo classificado, voltou aos triunfos na Serie A quase três meses depois, ao operar uma reviravolta no reduto da Sampdoria e vencer por 2-1, o mesmo resultado que o Verona, com Miguel Veloso no ‘onze’, alcançou na casa do Spezia.

De resto, a equipa da Sardenha ‘passou’ o penúltimo posto ao Génova, que empatou 1-1 na visita a Sassuolo.

Além do Bolonha-Inter Milão, também os encontros Atalanta-Torino, Fiorentina-Udinese e Salernitana-Veneza, que deveriam realizar-se hoje, foram adiados devido a surtos de covid-19 e respetivas ordens de confinamento das equipas por parte das autoridades locais de saúde.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.