Numa altura em que é cada vez mais comum para um clube trocar de treinador, começam a surgir alguns casos curiosos no futebol mundial relacionado com esta 'dança de técnicos'. Krzysztof Piatek é um desses casos.

O avançado polaco, atualmente ao serviço do Hertha Berlim, conheceu esta semana o seu oitavo treinador em apenas um ano e meio.

Piatek começou a temporada passada no Génova, onde foi orientado por três técnicos até janeiro. Davide Ballardini, Ivan Juric e Cesare Prandelli.

Os números registados no emblema italiano - 19 golos em 21 jogos - valeram-lhe a transferência para o AC Milan, a meio da época passada, onde trabalhou com mais três treinadores: primeiro Gennaro Gattuso, seguindo-se, já em 2019/20, Marco Giampaolo e Stefano Pioli, o atual treinador da equipa.

No último mercado de janeiroPiatek rumou ao Hertha Berlim a fim de jogar com mais regularidade. No conjunto alemão, contudo, voltou a passar por uma troca de treinadores: o avançado fez três jogos sob o comando técnico de Jürgen Klinsmann, que acabou por ser substituído pelo interino Alexander Nouri.

A estreia com o novo técnico está marcada para este sábado (14h30), na deslocação ao reduto do 'lanterna vermelha' Paderborn. O Hertha, recorde-se, ocupa atualmente o 14.º posto da Bundesliga.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.