Depois de duas vitórias, com Noruega (1-0) e Holanda (1-0), a equipa orientada por Rui Bento não foi capaz de contrariar uma França melhor fisicamente e que na primeira parte já vencia por 2-0.

Os primeiros golos surgiram aos 30 (por Daniel Brunard) e aos 40 minutos (Anthony Martial), num resultado que seria dilatado já na segunda metade, com novo golo de Martial, aos 50, e de Zakarie Labidi, aos 70.

França, Holanda, que hoje venceu a Noruega por 1-0, e Portugal terminaram o torneio com os mesmos seis pontos, mas as duas primeiras equipas tiveram melhor diferença entre golos marcados e sofridos.

Os franceses terminaram a competição com sete golos marcados e três sofridos, os holandeses três apontados e dois consentidos, enquanto Portugal teve um “goal average” negativo, com dois para quatro.

No final, Rui Bento considerou que o fundamental é preparar a equipa para os desafios que vai encontrar na próxima época, nomeadamente a qualificação para o Campeonato da Europa de sub-17.

“Até lá vamos efectuar jogos de preparação e agora tivemos oportunidade de realizar três jogos diante de três boas equipas. É diante de adversários desta qualidade que podemos aprender, evoluir e continuar a crescer”, disse o técnico, em declarações ao site da FPF.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.