O treinador do Vitória de Setúbal apontou críticas à equipa de arbitragem liderada por Carlos Xistra, isto depois de ter perdido com o Braga e ter sido eliminado da Taça da Liga.

“Foi um jogo ingrato para nós, o Vitória de Setúbal quis ganhar o jogo e jogou o futebol positivo que é característico. Este é um grande mérito dos jogadores, que obrigaram o SC Braga a jogar no nosso erro. Depois houve lances que condicionam o jogo, houve um critério disciplinar que não entendo e se o árbitro marca falta numa área tem de marcar na outra também. Isso condicionou o estado psicológico da equipa e tornou as coisas mais fáceis para o SC Braga. O resultado é exagerado mas tínhamos de arriscar, perder por dois ou por três era a mesma coisa”, disse José Couceiro em declarações à RTP.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.