Os “azuis” do Restelo passam à ronda seguinte, após uma primeira parte equilibrada, tendo beneficiado das duas expulsões do adversário, na segunda parte, para fazerem dois golos, frente a um Oriental que mostrou qualidade.

As primeiras oportunidades apareceram para os “azuis”, aos 24 e 25 minutos, quando Fredy e Lima permitiram a defesa a Tiago Mota, mas seria mesmo o avançado brasileiro a inaugurar o marcador, aos 33, num remate cruzado com o pé esquerdo, após passe de Tiago Gomes, marcando o seu primeiro golo oficial com a camisola do Belenenses.

No entanto, cinco minutos depois, o Oriental respondeu, numa boa jogada colectiva, com Paulo Andrade a cruzar para o golo de Valdo e a proporcionar a festa ao grande número de adeptos que se deslocou ao Restelo, que viram a sua equipa desinibida na primeira parte.

O segundo tempo começou practicamente com a expulsão de Simões (47) e com uma ocasião para cada equipa. Primeiro foi Lima, na pequena área, a incomodar Tiago Mota, respondendo o Oriental, com Valdo a chegar atrasado a um cruzamento de Santiago.

Apesar da inferioridade numérica, a equipa orientada por Carlos Manuel continuava a incomodar os de Belém, mas sua tarefa ficou mais complicada após nova expulsão, de Toni, o que facilitou a tarefa do Belenenses, que acabou por fazer o 2-1, aos 81 minutos, por intermédio de Diakité, na recarga a uma defesa incompleta de Tiago Mota.

Já perto do final do jogo, aos 89, o brasileiro Lima bisava na partida e fechava as contas do marcador, dando maior serenidade à equipa de João Carlos Pereira.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.