Após o sorteio da Taça de Portugal, os representantes de Benfica e Rio Ave reagiram ao resultado do sorteio.

Domingos Almeida Lima, vice-presidente do Benfica, diz esperar que não se repita o destino de 2017, quando o Benfica caiu na Taça de Portugal frente à equipa de Vila do Conde. Já em relação ao objetivo de chegar ao Jamor, o vice-presidente das águias sublinhou que se trata de um objetivo.

"O Rio Ave é um adversário que nós temos todo o prazer em defrontar. É um adversário muito valioso. Deus queira que não aconteça o que aconteceu em 2017. Dois clubes que se respeitam, e irão tudo fazer para ultrapassar a eliminatória. Final? Qualquer clube tem essa ambição. Estar no Jamor tem um significado especial e este ano não foge a regra", comentou o dirigente encarnado.

Já o presidente do Rio Ave António Silva Campos espera que a sua equipa faça um brilharete frente ao Benfica

"Nos últimos anos temos estado bem na Taça. Sabemos o que é o Jamor. Respeitamos o Benfica, mas não temos nada a perder."

O Benfica recebe o Rio Ave nos quartos de final da prova.

Veja o alinhamento do sorteio

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.