Carlos Carvalhal mostrou-se orgulhoso com a exibição do Rio Ave diante do Benfica, mas sublinhou que a sua equipa podia ter feito melhor.

“Fizemos uma primeira parte muito boa, preparámos bem o jogo. Conseguimos criar dificuldades na profundidade e chegámos ao intervalo a vencer. Na segunda parte, estávamos pronto para a pressão que o Benfica ia exercer, mas não conseguimos manter comportamentos. Foi o nosso pecado. Podíamos ter feito um bocadinho melhor, mas há que dar mérito ao Benfica. Não fico satisfeito pelo resultado, mas orgulhoso pela competência demonstrada”, explicou Carvalhal à RTP.

“Dar uma palavra aos jogadores. Fizeram uma participação brilhante na Taça da Liga, onde devíamos estar na final four, e saímos de uma forma digna da Taça de Portugal, num bom jogo. Estamos a fazer uma época excelente. Dar também uma palavra ao Tarantini que jogou com 39.º de febre e fez um grande jogo. É um exemplo pela forma empenhada como se atirou ao jogo”, acrescentou.

O Benfica venceu hoje o Rio Ave, por 3-2, em jogo dos quartos de final da Taça de Portugal em futebol, disputado no estádio do Luz, com Seferovic a ser decisivo no apuramento para a meia-final da competição.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.