O FC Porto garantiu, este sábado, a passagem à próxima eliminatória da Taça de Portugal ao vencer o Belenenses por 2-0 no Estádio do Dragão. Soares, na primeira parte, marcou o primeiro golo da partida, enquanto Otávio, que tinha falhado uma grande penalidade, fechou o marcador na etapa complementar.

Quanto ao onze inicial do FC Porto, Sérgio Conceição decidiu deixar de fora jogadores como Brahimi, Danilo e Sérgio Oliveira. Destaque para Corona, que jogou como lateral direito na equipa do FC Porto. No total, Sérgio Conceição faez cinco alterações em relação ao último jogo, entrando Fabiano, Herrera, Otávio, Adrián e André Pereira, para os lugares de Casillas, Maxi, Brahimi, Danilo e Marega.

O primeiro golo na noite chuvosa no Porto foi apontado por Soares aos 12 minutos. Numa grande jogada de entendimento entre Corona e Adrián López, o espanhol fez um excelente passe para Soares, que sozinho ao segundo poste, só teve de encostar para o primeiro da noite.

No segundo tempo, num lance com Reinildo e Herrera na área, o árbitro assinalou o castigo máximo. Otávio decidiu bater o penálti, mas o guarda-redes do Belenenses SAD defendeu. Na recarga, Adrián ainda tendi mas a bola saiu ao lado.

Contudo, Otávio redimiu-se aos 58 minutos. O jogador brasileiro deixou dois adversários para trás, fletiu para o centro e atirou para o fundo da baliza adversária.

Otávio viria a ser substituído por Sérgio Oliveira, enquanto André Pereira e Oliver Torres deram os seus lugares a Marega e Mbemba.

O FC Porto junta-se assim aos rivais lisboetas Benfica e Sporting, assim como ao Desportivo das Aves, detentor do troféu, que já estavam apurados para os oitavos de final da Taça de Portugal, cujo sorteio está marcado para sexta-feira.

Veja o resumo em vídeo

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.